Lallybroch: Livros X Série de TV: Episódio 2 Not in Scotland Anymore...
23 abril 2016

Livros X Série de TV: Episódio 2 Not in Scotland Anymore...


Episódio 2 - Not in Scotland Anymore (Não mais na Escócia - Tradução livre)

       
       
A abertura do episódio com um pesadelo de Jamie não é algo adverso ao livro em si considerando que sabemos da existência desses pesadelos em A Libélula, mas não os vemos, visto que a narrativa ainda é quase completamente feita por Claire. No capítulo oito (Unlaid Ghosts and Crocodiles- Fantasmas e crocodilos na tradução oficial), Jamie conta a Claire acerca de seus pesadelos, que apesar de levemente diferentes do apresentado no episódio ainda conseguem demonstrar a essência do trauma e levar sua esposa a lembrá-lo que seu maior inimigo está morto. Vamos adentrar então nas principais mudanças e semelhanças em relação ao livro dois neste episódio:

       
       

  • Conhecendo Mestre Raymond: a cena com Mestre Raymond ocorre bem semelhante ao livro ainda no capítulo oito. Claire partiu em busca do homenzinho atrás de ervas para ajudar o marido a dormir. Entretanto já é aí que Claire toma conhecimento que Mestre Raymond vende Cáscara-sagrada disfarçada de veneno e isso não apareceu neste episódio.

       

  • A apresentação de Mary Hawkins: neste mesmo capítulo em A Libélula, Claire escuta falar pela primeira vez na França sobre Mary Hawkins por meio de seu tio que havia feito uma visita a Jamie (o Sr. Silas Hawkins é exportador de conhaque francês para Grã-bretanha e, portanto, um dos parceiros comerciais de Jared) e o informa sobre o casamento da sobrinha de quinze anos com o Visconde de Marigny, um homem bem mais velho que a menina. É então que Claire lembra que Mary Hawkins seria esposa de Jonathan Randall. Claire é apresentada a Mary por Louise no capítulo onze (Ocupações úteis) na Casa dos Rohan. Entretanto a tal conversa não ocorre no episódio, sendo mostrada apenas a apresentação de Mary por Louise.
       
       

  • A descoberta acerca da sobrevivência de Black Jack Randall: durante a tal conversa do capítulo oito, Claire ainda não sabe sobre a sobrevivência do Capitão Randall e acaba por entender que Mary casará com outro homem e Frank nunca nascerá. Como dito isso não é mencionado no episódio. Na adaptação para TV, Claire finda por descobrir quando está na Corte Francesa por meio de Alex Randall, irmão caçula de BJR, que este ainda está vivo, e que por sinal não é muito igual ao irmão, apesar de ter uma leve semelhança. Essa observação vem que no fim do capitulo nove para o início do dez, Claire desmaia ao confundir Alex com Frank e Jamie o confunde com BJR por serem os membros desta família parentes extremamente semelhantes entre si.

       
       
  • O Treino de espadas entre Murtagh e Jamie: A luta de espadas que ocorre no episódio é algo que não existe no livro e foi acrescentado pelo roteirista pelos motivos por ele explicados no Inside the World-Outlander episode 02.
       
       

  • O vestido vermelho: por mais que tanto no livro quanto na série Jamie tenha se espantado com o tal vestido, o diálogo das telas é apenas parcialmente extraído do capítulo nove do livro dois (Os esplendores de Versalhes- tradução oficial Geni Hirata). No capítulo, Claire aparece vestida com o vestido na sala de estar e Jamie começa a se assustar já com a cor e depois com os detalhes do traje (que foram omitidos no design da peça na TV) como o forro de charmeuse branco que Jamie achava que era a pele de Claire. Quero entender por que cortaram dessa cena justamente os trechos mais engraçados dos ciúmes de Jamie como ele dizendo que não queria que os homens olhassem para Claire da forma que ele olhava para as mulheres da corte e ele afirmando que ela não tinha noção da aparência dela naquele vestido. Acabou sendo retirada mais uma cena do humor de Jamie envolvida com seus ciúmes por Claire.


       
  • A fonte e Annalise de Marillac: assim que chegam à corte, a descrição de Claire que o vestido não estava fazendo bem a pressão sanguínea de Jamie é algo que serviu para caracterizar ainda no capítulo nove o quanto o vestido estava chamando atenção. Na série, parecia que Claire era apenas mais uma entre as outras. Quando Annalise, a antiga paquera de Jamie aparece em cena, ela o chama para jogar xadrez com os homens e não para ver o Rei fazer suas necessidades fisiológicas (essa tradição presenciada por Jamie é contada por ele no capítulo sete a Claire) como apareceu no episódio, Jamie estava com receio de sair para não deixar Claire sozinha com todos aqueles homens que a cercavam, assim acaba avisando para não se aproximar de determinadas alcovas nas quais os casais entravam para namorar. A ameaça envolveu uma olhada no cinto que Claire prontamente o lembra que ele prometeu não mais bater nela. A retirada deste trecho no episódio me fez falta, pois quando vemos o Ministro das Finanças (no livro não é ele que faz a investida a Claire, mas o Visconde de Rambeau) atacando Claire, e Jamie o jogando na fonte, a consciência desse diálogo faz o leitor saber com quanta raiva Jamie está por Claire ter desobedecido mais uma vez suas ordens. Fez falta também porque acabou tirando toda a graça da cena de ciúmes em si, e fez falta Jamie não chamar o vestido vermelho de vestido de prostituta. A diminuição acabou por deixar a cena insignificante. Parece que ela existia para preencher tabela, feita de maneira muito superficial. Por sugestão de Jamie, Claire realmente troca o leque por um maior. No episódio apesar de ele mencionar isso não aparece a troca em si, mas vemos Claire com outro leque já na Corte.
       
       

  • “Honeypot”: A cena em que Jamie chama as partes íntimas de Claire de “honeypot” (tradução literal seria “pote de mel”, mas na edição brasileira a tradução acabou sendo “perereca”) foi bem diferente da presente no capítulo onze do livro dois. Claire não depila sua “honeypot”, mas apenas as pernas e a axila, e conta que Louise depilou tudo. Jamie na verdade fica chateado com a depilação, uma reação bem diferente da que se vê no episódio, e esse ato acaba por levar ele a “permitir” que Claire trabalhe no L’Hôpital des Anges para que ela não passasse tanto tempo com Louise. Neste episódio L’Hôpital ainda não foi mencionado. A cena que no livro era meio cômica acabou tendo outra conotação no episódio. Uma das qualidades dos livros é a habilidade que Diana tem de revezar o drama com o humor, principalmente o humor apaixonante de Jamie. Nos dois primeiros episódios dessa temporada, o humor de Murtagh é que acaba por se destacar mais e Jamie está bastante apagado.
       
       

  • Madame Nesle de Tourelle: Ela nos é apresentada no capítulo nove como uma das amantes do rei. Madame Nesle realmente se mostra em Versalhes com um vestido do porte semelhante ao do episódio:


       
       


“Ela estava, conforme a moda atual, usando um vestido cortado embaixo de ambos os seios, com um pedacinho de tecido transparente superposto, que obviamente só devia estar ali por questões de moda, já que não servia nem para aquecer nem para ocultar nada. Entretanto, não foi nem o vestido nem a visão que ele oferecia que me abalaram. Os seios de ‘Nesle’, embora razoavelmente adequados no tamanho, agradáveis nas proporções e encimados por grandes aréolas de uma cor marrom-clara, eram adornados com um par de jóias de mamilo que fazia os engastes tornarem-se totalmente insignificantes. Um par de cisnes encravados de diamantes com olhos de rubi esticava seus pescoços um em direção ao outro, oscilando precariamente em seus poleiros de ouro na forma de um galho arqueado. O trabalho artístico era esplêndido e o material impressionante, mas o que me fez sentir um pouco tonta foi o fato de que cada prendedor da jóia, o poleiro de ouro, na realidade atravessar o mamilo. Na verdade, os mamilos estavam seriamente invertidos, mas o fato era disfarçado pela enorme pérola que cobria cada um, penduradas em uma fina corrente de ouro que formava uma alça de um lado ao outro do galho arqueado.”
       
       





Entretanto como se pode ver a descrição do livro é um pouco mais grotesca do que foi mostrado. Outro ponto interessante nesta cena no livro é Claire mencionar que o trabalho artístico foi de Mestre Raymond e Jamie ordenar que Claire se mantivesse afastada do homenzinho com cara de sapo, pois isso poderia piorar sua reputação. Isso foi retirado do episódio não sei se por Jamie desconhecer o envolvimento de Claire com Mestre Raymond ou se tem algum outro motivo por trás.

       
       

Para finalizar, fez falta neste episódio a cena do capítulo onze em que eles começam a escolher nomes de bebês, espero que apareça em alguma cena nos episódios que virão. O episódio dois desta temporada foi adaptado em sua maioria dos capítulos oito ao onze do livro A Libélula no Âmbar.



       
       

Texto de Tuísa Sampaio.









Comentários via Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Lallybroch - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2016